Programa do Festival

7 junho | 8 junho | 9 junho

 

7 de Junho

O Ilhavense à conversa
Por O Ilhavense

Programação Rádio

14:00 

A diretora do Jornal “O Ilhavense”, Maria José Santana, convida alguns colunistas (David Calão, Hugo Cálão e Pedro Rocha) a olharem para o jornal do passado e do futuro. A equipa do renascido jornal vai olhar para uma edição de 1950 e imaginar uma de 2050.

Estou bem aqui em Portugal
Por Pedro de Tróia

Programação Rádio

21:00 

Há sonhos que vão sendo sonhados, até se tornarem memória. Há memórias que vão sendo lembradas, até se tornarem verdade. É o caso de “Estou Bem Aqui Em Portugal”, programa de autor, fadado aos temperos que o destino trouxer. Ao que parece, Pedro de Tróia dá assim início à exportação da sua afirmação coqueluche, para que seja servido um aperitivo digno de despertar os sentidos, para os sonhos. E se não houver o que sonhar? Que seja verdade.

Citizen Jane – Uma mulher que lê poemas pode tudo
DJ SET

Concertos

00:30 

Jardim Henriqueta Maia

Influenciada pelo Rock’ n’ roll, Citizen Jane percorre naturalmente o Rhythm and Blues, o IÉ-IÉ, a Música Popular Brasileira e a Bossa Nova com um ritmo bem dançável e “swingado”. Ativista, interessada pelos movimentos artísticos, poesia e cinema, defensora dos direitos das mulheres, é uma agitadora das consciências mais conformistas e promete não deixar ninguém indiferente na pista. Na vida tem sido assim.

Palabras co bento no leba
Com Domingos Cardoso

Programação Rádio

18:00 

Antes de falarmos quase todos da mesma forma, havia um linguajar muito próprio em quase todos os lugares. Ílhavo não foi excepção. Existem centenas de palavras e expressões exclusivas que Domingos Cardoso reuniu num livro, para que não se esqueçam e desapareçam. Palabras co bento no lebou e bão dar na rádio, catchopas.

Flak

Concertos

22:00 

Palco Jardim

Flak é um músico e produtor com uma longa carreira, de mais de 35 anos, para sermos precisos, na música portuguesa. Em 1983, fundou, juntamente com Xana e Alex Cortez, uma das bandas mais musculada da música portuguesa: os Rádio Macau. Na altura de escolher fugir ou morder o anzol, achou que ainda havia muito de novo aqui e criou o seu projeto a solo: Flak.

Bida Airada Estranhofone

Projectos Especiais

19:00 

Calçada Carlos Paião

Resultado da oficina de tecnologia e eletrónica com o músico Samuel Coelho e o cenógrafo César Estrela, este Estranhofone convocou a comunidade para construir um objeto falante, estranho, plástico e sonoro, a partir de materiais fora do prazo, vulgares, aparentemente inúteis.

Diabo na Cruz

Concertos

23:30 

Palco Jardim

Até podíamos dizer-vos que os Diabo na Cruz são uma banda que surgiu em 2008, que ficou conhecida pelo seu rock popular e pelo seu Roque Popular ou que são uma das bandas mais relevantes do panorama musical português, mas o que é realmente importante saber sobre eles está em palco e importa que se veja ao vivo, se salte e se grite com eles. Ali, cometem-se excessos em nome da libertação e a banda, o espetáculo e os discos, são o desenho de uma narrativa entre canções e pessoas.

7 junho | 8 junho | 9 junho

8 de Junho

As certezas do meu mais brilhante amor
com João Nuno Silva

Programação Rádio

14:00 

João Nuno Silva, do blogue A Certeza Da Música, procura fazer, entre outras coisas, um enquadramento histórico do momento que a música feita por portugueses vive desde há uns anos. A primeira parte desta hora na rádio do Rádio Faneca, será dedicada ao passado, a segunda abordará o presente e dará pistas para o futuro.

Pedro de Tróia

Concertos

16:00 

TR. Filarmónica Ilhavense

Pedro de Tróia é um criativo português: escreve, canta, compõe e faz acontecer. O seu ar franzino e disfarça o traço disruptivo que deixa em tudo o que toca e Os Capitães da Areia, o grupo que encabeçou e com quem fez um disco verdadeiramente louco, A Viagem dos Capitães da Areia a bordo do Apolo 70, são duas riquíssimas provas disso. Tróia regressa à escrita e à Terra depois de aceitar o convite de oferecer ao mundo mais uma lição de sensibilidade desarmante e um coração inteiro por cantar. O novo projeto de Pedro de Tróia estreia no Rádio Faneca.

Casa Aberta – Esgotado
10 raros habitats
por Marina Palácio

Projectos Especiais

19:00 

Inscrições para o jantar de 20 de maio a 5 de junho, através do email
mediacao.23milhas@cm-ilhavo.pt

As casas do centro histórico de Ílhavo abrem as suas portas para receber amigos e desconhecidos que se rendem aos petiscos, costumes e histórias ilhavenses. O convite é para a festa e para o convívio, mas também para e a criação. A artista Marina Palácio desafia os anfitriões de cada casa a criar a explorar o seu raro habitat. Dez raros habitats poéticos em diálogo performativo e criativo com os convidados para descobrir mais sobre fauna, flora e outras raridades de Ílhavo

Moonshiners

Concertos

22:00 

Palco Jardim

Os Moonshiners surgiram em Aveiro, em 2012, sob o alento espirituoso de nomes como Bob Dylan e Morphine. Cantam canções sobre coisas tão atuais como galinhas ébrias, homens na corda bamba, Deus e o Diabo ou engordar e envelhecer junto da pessoa de quem se gosta. O primeiro disco de longa duração da banda foi editado em 2018, tem o intimidante título de Prohibition Edition, e é composto por 10 canções muito diferentes entre si, o que não será mais do que o apanhado geral de três pessoas, todas elas, também tão distintas.

João Berhan

Concertos

15:00 

Beco de S. Salvador

Berhan é basco, ou etíope, ou persa, mas é, na verdade, de Lisboa. Em 2010, gravou em casa um inopinado e incógnito disco de estreia (Toda a Gente a Fugir para a Frente, 2012) e cantou-o pelo país. Para chegar a 2018, serviu à mesa, praticou apneia nas profundezas disruptivas do corporate marketing e ainda fez um filho. O resultado é Roupa Nova, de 2018, um disco de canções raras, com coisas para dizer, a que podemos tirar a etiqueta porque nos serve e só fica bem.

Lince

Concertos

17:00 

Beco de S. Salvador

Sofia Ribeiro é Lince, miúda loira, de inesgotáveis olhos azuis, que não esquecemos desde que a vimos nos teclados dos WE TRUST ou do projeto There Must Be a Place. A miúda decidiu aparecer sozinha, com o seu primeiro disco, Hold To Gold, que sucede ao EP Drops, que editou no verão de 2017.

Bida Airada – Performance Instrumental

Projectos Especiais

19:00 

Ponto de Encontro: Drogaria Vizinhos

Esta performance percorre as ruas ilhavenses usando um instrumento universal: a voz, eco natural, de todas as dimensões do ser humano e, desde o início, o centro da Bida Airada. Aqui, fruto da oficina com a formadora Rita Campos Costa, a voz será o meio para as palavras, a atitude e a inexpressável cidade de Ílhavo.

Conan Osíris

Concertos

23:30 

Palco Jardim

A música de Conan Osíris começou como um rumor na internet. “Adoro Bolos”, o seu terceiro disco, fermentou em 2018 e, desde então, tem sido difícil ficar indiferente a Tiago Miranda. O que o distingue, além do notável bailarino João Moreira, que o acompanha em palco, é a junção de referências da sua música: fado, bollywood, hip-hop ou metal são estilos que combina com mestria. O resto é poesia, romantismo, tragédia, atualidade e palavras que na maior parte das vezes não nos lembramos que alguém ainda usa.

Objetoteca Popular Itinerante
A revolta dos objetos
por Teatro de Ferro com participação especial do Teatro Ribalta

Projectos Especiais

15:30 

Calçada Carlos Paião

Uma mistura de teatro de feira com leilão sem venda, em que as transações se produzem na imaginação dos presentes. A Objetoteca oferece uma visita guiada aos objetos musicais, sonoros ou silenciosos, reais e ficcionais que constroem o quotidiano.

Olha já lá está…
com Hugo van der Ding

Programação Rádio

18:00 

O cangalheiro de serviço, vai a Ílhavo dar notícia de ilustres filhos da terra que já lá estão, na Terra da Verdade. Mas que, como dizia o outro, por obras valerosas se vão da lei da morte libertando. Ele, que costuma avisar na Antena 3, “vamos todos morrer”, confirma tudo. Os outros, até os nossos, vão todos lá ter.

Mr.Gallini na Rádio
Com Mr.Gallini

Programação Rádio

21:00 

Mr. Gallini iniciou-se na música enquanto baterista dos Stone Dead, com os quais já percorreu palcos por todo esse Portugal fora. Faltava-lhe o Palco Rádio do Rádio Faneca, onde além de tocar duas ou três músicas do seu novo disco a solo, ou do que ele quiser, fala de si, da sua música e da sua passagem pela música e pela vida.

Emanuel Graço
DJ SET

Concertos

00:30 

Jardim Henriqueta Maia

Temas, canções, cantigas e descantigas provenientes dos quatro cantos do mundo. banda sonora para o processo de coletivização do povo através do ginganço. reminiscências de outros tempos, configurações onde Emanuel Graça é apenas o intermediário. Olha que coisa mais linda, apesar da graça fácil, nunca ficamos cheios de Graça.

7 junho | 8 junho | 9 junho

9 de Junho

O imaterial tem sempre razão
com Joana Espadinha

Programação Rádio

14:00 

Joana Espadinha fala, “direito”, por vias tortas: as da rádio do Rádio Faneca. A artista, que trocou um futuro litigante nas salas de tribunal pelos estúdios, palcos e digressões, será tema e timoneira de uma conversa na rádio, em que falará do imaterial que a tem (des)orientado e munido de razões para fazer música e das músicas que a têm levado a dançar.

Rimas e Batidas com Haka
Por Rui Miguel Abreu e Moisés Regalado

Programação Rádio

16:00 

O Rimas e Batidas é um programa na Antena 3, com versão diária e semanal, apresentado por Rui Miguel Abreu, veterano jornalista que há muito acompanha o movimento hip hop nacional. O ilhavense Moisés responde artísticamente ao nome Haka, MC com uma visão alternativa da cultura e com um percurso considerável pelos seus subterrâneos. A convite do Rádio Faneca, assinam uma emissão especial do Rimas e Batidas, com conversa e atuação ao vivo de permeio.

Bida Airada – Performance Instrumental

Projectos Especiais

19:00 

Garagem dos Vizinhos

Esta performance é o produto final de uma oficina com António Serginho, Ílhavo já o conhece bem, a Bida Airada trá-lo sempre consigo. Bastava tocar ou querer tocar um instrumento. Não importava se eram iniciantes, amadores ou profissionais, se iam em banda, sozinhos, com amigos, ou com a fanfarra toda. O critério era só a vontade. Seja feita!

João Pascoal
DJ SET

Concertos

23:00 

Jardim Henriqueta Maia

Além de baixista nos The Happy Mess e nos Mirror People, João Pascoal é supervisor musical em cinema, o que significa que todas as cenas, até as da vida real, ele vê com música.
Neste desafio a alguém que, no meio de tanta música, nunca foi DJ, desde a Lovely Day de Bill Withers ao estranho universo da música eletrónica japonesa, vai haver não de tudo, mas de muita coisa.

Entre nós e as palavras há metal fundente
com Guilherme Gomes

Programação Rádio

15:00 

Guilherme Gomes, ator, encenador, co-fundador do Teatro da Cidade, e director artístico do projecto Creta – laboratório de criação teatral, apresenta-nos o seu olhar sobre a poesia através dos poemas que mais o tocam, dos segredos que eles lhe revelam, e da descoberta de poemas ilhavenses.

Les Saint Armand

Concertos

17:00 

Garagem dos Vizinhos

Vindos do Porto, os Les Saint Armand são uma banda que assume o português, privilegiando o valor da palavra e a essência acústica. A sua música tem raízes na folk e na canção de autor. Em 2016, lançaram o ep Nó, desatando desde logo uma extensa digressão nacional, destaques em lista de melhores do ano e nomeações para prémios relevantes. Resumindo: os miúdos são fixes.

Brandos Costumes ao vivo
por Pedro Paulos e Marta Rocha

Programação Rádio

21:00 

O Brandos Costumes é um podcast multiplataforma que atravessa, para além dos hits, os caminhos menos percorridos da música Portuguesa. Pedro Paulos e Marta Rocha ouvem os protagonistas e narram as histórias, Angelina Velosa desenha-as. O Rádio Faneca desafiou-os a fazer tudo igual, mas ao vivo, no Palco Rádio.
Convidado: Mário Barreiros

Objetoteca Popular Itinerante
A revolta dos objetos
por Tealtro de Ferro com participação especial do Teatro Ribalta

Projectos Especiais

15:30 

Calçada Carlos Paião

Uma mistura de teatro de feira com leilão sem venda, em que as transações se produzem na imaginação dos presentes. A Objetoteca oferece uma visita guiada aos objetos musicais, sonoros ou silenciosos, reais e ficcionais que constroem o quotidiano.

Joana Espadinha

Concertos

18:00 

Aquário dos Bacalhaus do Museu Marítimo de Ílhavo

Joana Espadinha é música de corpo inteiro: faz canções que agarram, nos levam para a pista, ativam a circulação, aquecem os músculos e lembram-nos de que temos ancas por abanar. O seu primeiro trabalho a solo é um disco pop que mergulha no património da música portuguesa em ombros de gigantes como Lena d’Água ou Gabriela Schaff, mas também é resultado de tardes a ouvir Air, Aimee Mann ou Feist. Voz forte e cristalina, Espadinha aparece esclarecida, emancipada e sedutora.

Bruno Pernadas

Concertos

22:00 

Palco Jardim

É compositor e multi-instrumentista e, apesar de Bruno Pernadas ser nome de um homem só, o palco rapidamente fica cheio. A música de Pernadas combina vários estilos musicais tais como west coast jazz dos anos 70, lounge oriental, krautrock, freak folk, pop music, sampling e processamento de eletrónica low fi, exótica e soul music. Vai longe, como diz a cantiga de outro grupo igualmente saído dos 70, com uma ajudinha dos seus amigos.

7, 8 e 9 de Junho

Jogos do Hélder

Projectos Especiais

Todos os dias 10:00 às 18:00 

Feitos de materiais tão simples como madeira ou corda, usam apenas a energia mais acessível do mundo: a humana. Todos são desafiados não só a brincar, mas também a perderem-se pelos becos ilhavenses em busca do próximo jogo. As ruas passam a tabuleiros e as casas a peças destes jogos tão peculiares.

Histórias nos Becos
Portuguesas Inesquecíveis
por Cláudia Gaiolas

Projectos Especiais

7 junho 10:00 | 11:00 | 14:00 | 15:00
8 junho 10:00 | 11:00 | 15:00 | 17:00 |21:00
9 junho 10:00 | 11:00 | 15:00 | 17:00 

Quatro portuguesas à frente do seu tempo, a abrir caminhos com coragem, ousadia e inteligência. Antónia Rodrigues navegou os mares e lutou em guerras. Carolina Beatriz Ângelo foi a primeira mulher a votar em Portugal. Leonor, a Marquesa de Alorna, uma pintora e escritora rebelde. E Luísa Todi, a cantora de ópera que encantou a Europa. Elas mudaram a história de Portugal. E têm muitas histórias para contar.

Emissão Rádio

Projectos Especiais

Todos os dias 10:00 às 22:00 

Moderação: Maria Inês Santos

Transformada, também, em palco, a rádio continua a crescer e recebe mais vozes improváveis, mais concertos e os típicos jogos da rádio. Este ano, a proposta é para que se pensem e elevem as palavras. Não necessariamente por esta ordem. Na rádio do Rádio Faneca todos são bem-vindos e tudo pode acontecer, até porque nunca se sabe a via de amanhã.

Bida Airada
Por ondamarela

Projectos Especiais

Todos os dias

Durante cinco anos, no Rádio Faneca, um grande, adorável e talentoso grupo de pessoas juntou-se para fazer parte da Orquestra da Bida Airada. Criaram cinco espetáculos distintos, musicais, mas não só, e terminaram com a gravação de um disco e a edição de um livro dos “Maiores Êxitos” da Orquestra. Este ano, a Bida Airada continua, cresce e torna-se mais que uma Orquestra. No Rádio Faneca, apresentam três espetáculos criados a partir de três oficinas em se trabalharão a voz e o movimento, o instrumental, o tecnológico e o eletrónico.

Andar à Nora
Por Burilar

Projectos Especiais

Em permanência durante o festival 

Saída de grupos organizados às 11:00e às 17:00 de sábado e domingo

Quando rapazes e raparigas circulavam pelo Jardim Henriqueta Maia dizia-se que tiravam água da nora. Andar à Nora é um percurso artístico que convida à desorientação pelos becos de Ílhavo. Um mapa-jogo que oferece a oportunidade de nos perdermos e de escolhermos os desafios a enfrentar enquanto vivemos a vida de vizinhos.